Descrição do projecto

Patxi Valera nasceu em A Coruña (Galiza, Espanha) em 1970 e é licenciado em Psicologia Social. A sua formação autodidata, assim como o seu carácter artístico-musical de corte eclético, orientaram-no para envolver-se com diversas formações de criações coletivas cujo trabalho se centrou principalmente na experimentação audiovisual e improvisação livre. Em 1991 contribuiu para colocar em marcha o grupo multimédia Kozmic Muffin no qual participou como baterista, percussionista, letrista e guionista durante mais de 10 anos. Desde que forma PARTO em 1999 junto ao baterista Luís Alberto Rodríguez Legido que se dedica a aprofundar o estudo da forma e som na música experimental. Em 2002 começa a trabalhar com L.A.R. Legido no protótipo do que é atualmente o Aquófono, uma nova forma de gerar ruído musical aproveitando simples gotas de água. Forma parte do CNTPS, Centro de Novas Tecnologias do Pico Sacro, centro organizador do ciclo “Sesiones Vibracionales” na forma de concertos de artistas de música improvisada. Fruto desta experiência surgiu a orquestra O.M.E.G.A, Orquestra de Música Espontánea de Galicia formado por quase trinta. músicos e artista plásticos comprometidos com a criação em tempo real com condução guiada por sinais corporais de um diretor ou diretora.