Descrição do projecto

Lasse-Marc Riek | Alemanha

Período da Residência:
22 Abril a 7 Maio 2010

Projecto Artístico:
“Riparian” | Fonografia, Passeio Sonoro

Esta é uma proposta com dois segmentos de trabalho em áudio.
O foco será ouvir, escrever e andar. Escrever na forma de texto e som.

1. Agenda:
– Um diário acerca de dois passeios sonoros em ambas as margens do rio Paiva.
Exigências técnicas e materiais: lápis e livro
Resultado: listagem de som

2 dias de caminhada na margem esquerda 28 km
2 dias de caminhada na margem direita 28 km
2 dias de preparação do material
1 dia para acalmar
Campismo selvagem, se possível

2. Andar:
Passeios sonoros gravados em capelas localizadas próximas do rio Paiva
Exigências técnicas e materiais: equipamento de gravação
Resultado: arquivo e uma paisagem sonora serena

-2 Dias a pesquisar trilhos e capelas
– Um dia para uma capela ou para um local antigo
– Número de capelas / locais antigos dependentes do acaso.

O foco será a ideia de ouvir, que representa um processo que se move do exterior para o interior, e a pergunta sobre a subjectividade do ruído e silêncio.

Biografia Artística:

Lasse-Marc Riek (1975, Alemanha) utiliza diferentes formas de expressão na sua produção. Os seus trabalhos são interdisciplinares e podem ser concebidos como grupos de trabalhos tanto de arte visual (action art e arte conceptual) e arte sonora. A sua arte sonora pode ser descrita como ecologia acústica, bio acústica e fonografia. Aqui, Riek usa gravações de campo acústicas, armazenando-as em diferentes suportes de gravação, edição, arquivamento e apresentando-os em diferentes contextos. Desde 1997, tem realizado internacionalmente exposições, concertos, palestras e projectos e apresentado performances em galerias, museus de arte e igrejas. Tem contribuído para meios de comunicação públicos e para podcasts. Obteve bolsas, prémios e participou em programas de residências artísticas na Finlândia, Polónia, Itália, França e África. Editou vários fonogramas. Actualmente, dirige a editora Gruenrekorder.