Descrição do projecto

Charles Stankievech | Canadá

Período da Residência:
1 a 14 Julho 2010

Projecto Artístico:
Sem Título | Instalação e Performance

O artista irá observar o fluxo desconhecido da região do rio Paiva com a gravação de sons subaquáticos, electromagnéticos e radiofónicos. Usando hidrofones embutidos no rio, vai gravar o fluxo da água e a vida aí existente. Usando microfones electromagnéticos, vai gravar os vestígios da indústria existente ao longo do curso do rio. Usando um receptor de rádio, irá capturar a comunicação da sociedade que flui através do rio. Combinando essas texturas de ruído branco (fluxo de água, zumbido electromagnético + impulsos, e ruído FM) dará um retrato sónico da vida dinâmica do rio, que molda a paisagem natural e é moldado pela cultura. O resultado final será uma composição sonora de radiodifusão: disponível para rádios locais ou como apresentação de uma instalação numa galeria, usando um transmissor e um rádio de emergência.

Biografia Artística:

Charles Stankievech é um artista canadiano que trabalha na intersecção entre arte, arquitectura e teoria. O seu trabalho foi exibido nomeadamente na Bienal de Arquitectura (Veneza), Banff Centre for the Arts (Canadá), Subtle Technologies (Toronto), Eyebeam (Nova Iorque), e Atlantic Center for the Arts (Florida). Stankievech detém um mestrado em Open Media e Bacharelado em Filosofia e Literatura. Os seus escritos têm sido incluídos em várias publicações académicas, como Leonardo Music Journal (MIT Press), livros e catálogos de artistas. Ele tem trabalhado em paisagens sonoras e com artistas sonoros como R. Murray Schafer, David Dunn e Alvin Lucier. Actualmente é investigador em redes media digitais na Universidade do Árctico, Canadá.

http://www.stankievech.net