Fórum Europeu Tramontana, Lafões (PT) de 4 a 8 Setembro 2015

Entre 4 e 8 de Setembro de 2015 a Binaural/Nodar irá acolher na sub-região de Lafões (principalmente no concelho de Vouzela, mas também no de São Pedro do Sul) o Fórum Europeu Tramontana, um evento de reflexão e de difusão de materiais culturais de zonas rurais europeias decorrente da inserção da Binaural/Nodar desde 2012 numa rede europeia de inovação na área dos arquivos multimédia para a promoção dos territórios rurais de montanha, a Rede Tramontana (http://www.re-tramontana.org).

A Rede Tramontana é financiada pelo Programa Europa Criativa da Comissão Europeia e inclui, para além da Binaural/Nodar, outras seis organizações, oriundas de Espanha (audio-lab.org, no País Basco), Itália (La Leggera na região da Toscânia, LEM Itália e Bambun, ambas na região do Abruzzo) e França (Nosauts de Bigòrra, Numériculture-Gascogne e Eth Ostau Comengés, todas na região de Midi-Pirinéus).

Por outro lado, a Binaural/Nodar iniciou em 2015 uma programação cultural integrada para a sub-região de Lafões (concelhos de São Pedro do Sul, Vouzela e Olliveira de Frades) denominada LAFÕES TERRA DE CULTURA (co-financiada por um apoio tripartido bienal da Direção Geral das Artes), no âmbito da qual são acolhidos eventos ao longo de 2015 e 2016 nas áreas das artes performativas, artes sonoras e visuais e pesquisas etnográficas, sendo que todas as atividades públicas do Fórum Europeu Tramontana são parte integrante do VOUZELA ART FEST que se realiza em Vouzela em 4 e 5 Setembro 2015, coorganizado este ano pela Binaural/Nodar e pelo município local.

Assim sendo, no âmbito do VOUZELA ART FEST será realizado um ciclo de concertos Tramontana, indo desde o rock com influências da tradição oral dos Pirinéus (Papà Gahús), à arte sonora decorrente de investigações sobre os rios do País Basco (Urkor da Audiolab), à eletrónica experimental baseadas em recolhas etnográficas na região de Lafões (Lafões Electro Mix da Binaural/Nodar) e à música de raízes da região italiana de Abruzzo (Quartetto Sentimento).

Por outro lado serão mostradas sete obras audiovisuais, no contexto da exposição RE-TRAMONTANA: ECOS E OLHARES e numa sessão de Cinema ao Ar Livre, todas representativas de possibilidades de conceção estética de materiais culturais dos territórios integrantes no projeto Tramontana: “Elogio della pacienza” de Stefano Saverioni, “Onde nasce o rio da minha aldeia?” de Luís Costa, “Sonar ciudades” de Xabier Iriondo, “Passejada en cap deras gents” de Renaud Lassalle, “A Esposa” de Manuela Barile, “Sons do Rural” de Tiago Dias dos Santos e “Più colpi delle stele” de Gianfranco Spitilli.

Por último, decorrerá no Sábado dia 5 de Setembro, a conferência internacional “Património Rural e Inovação Cultural” com a presença de investigadores e gestores culturais de vários países: Luís Costa (Binaural/Nodar, PT), Miguel Torres (ACERT, PT), Perrine Charteau (occitanica.eu, FR), Renaud Lassalle (Eth Ostau Comengés, FR), Gianfranco Spitilli (Bambun, IT) e Xabier Erkizia (audio-lab.org, ES).

Programa completo do Fórum Tramontana (em Português):

2015-08-27T01:17:38+00:00 27 Agosto, 2015|