A Binaural/Nodar é parceira associada do Projeto SUSPLACE, financiado no contexto do Programa  Horizonte 2020 para a Pesquisa e Inovação – Ações Marie Curie, tendo sido convidada pelo Departamento de Ciências Sociais, Políticas e do Território da Universidade de Aveiro para fazer parte do consórcio do projeto.

Os beneficiários do Projeto SUSPLACE são a Universidade de Wageningen (Holanda), a Universidade de Cardiff (Reino Unido), a Universidade da Letónia (Letónia), a Universidade de Aveiro (Portugal), a Universidade Católica de Lovaina (Bélgica) e o Instituto Luke para os Recursos Naturais (Finlândia).

O objectivo global do programa  é treinar em investigadores em abordagens interdisciplinares inovadoras para estudar práticas de criação e modelação de territórios sustentáveis. SUSPLACE irá conceber ações de formação inovadoras e oferecer oportunidades atrativas de carreira para investigadores, agentes de mudança, mediadores territoriais a diferentes escalas, do mundo académico, de governos locais e regionais, de organizações não governamentais, de consultores e de empresas privadas dedicadas à sustentabilidade. SUSPLACE proporcionará oportunidades de trocas de conhecimento através de práticas de mobilidade intersectorial por parte dos investigadores para melhor os preparar para os desafios de desenvolvimento da sociedade atual e futura, integrando temas como a alimentação, energia, clima e recursos, os quais são abordados e desenvolvidos de forma inovadora em alguns lugares da Europa.

No âmbito do projeto, que decorrerá entre final de 2015 e 2019, a Binaural/Nodar irá acolher no seu território dois investigadores de Pós-Doutoramento (em parceria com a Universidade de Aveiro), colaborará no desenvolvimento de ferramentas multimédia para o aumento da visibilidade das metodologias mais inovadoras para a modelação de territórios sustentáveis e participará em conferências e na escola de Verão do projeto.