Binaural/Nodar acolhe residência artística nas Termas de São Pedro do Sul

Vougascapes #1
Residência artística, laboratório de arte sonora e instalações em espaço público
Alunos do Mestrado de Criação Artística Contemporânea da Universidade de Aveiro
Co-organização: Binaural/Nodar e Departamento de Comunicação e Artes da Universidade de Aveiro

Termas de São Pedro do Sul, Portugal
24-27 Abril 2014
Apresentação Pública: Sábado, 26 Abril 2014 a partir das 16h00
(ponto de encontro: entrada do hotel do Parque).

Pelo quarto ano consecutivo, desenvolve-se no concelho de São Pedro do Sul uma residência artística dirigida a alunos do Mestrado de Criação Artística Contemporânea da Universidade de Aveiro, com o qual a Binaural/Nodar tem uma parceria em curso que se desenvolve em vários domínios, particularmente ligados aos domínios da aprendizagem de linguagens da arte sonora e à reflexão entre criação artística e espaços territoriais e comunidades específicas.

Um conjunto de oito alunos irá explorar o potencial criativo de espaços patrimoniais (naturais e culturais) das mais antigas e maiores termas de Portugal, termas de origem Romana. O balneário foi construído no Século I. Na Idade Média a fama das termas era tal que ali esteve D. Afonso Henriques, o primeiro rei de Portugal, depois de ter partido a perna em Badajoz, na sequência de uma épica batalha. Do edifício romano resta uma piscina e o edifício “piscina de D. Afonso Henriques” com as paredes em fiadas alternadas de pedra e tijolo e as entradas em arcos redondos, os quais permanecem fechados e inacessíveis ao público. As Termas de São Pedro do Sul são banhadas pelo rio Vouga, rio com o qual a relação tem igualmente sido difícil, devido à poluição que há longos anos impede os banhos onde tantas gerações de Sampedrenses aprenderam a nadar e se refrescaram durante os meses de canícula estival.

O resultado final desta residência artística será um conjunto de instalações audiovisuais a serem apresentadas no Sábado dia 26 Abril, pelos alunos e comentadas pelos professores, Binaural/Nodar e, porque não, pelo próprio público participante.

2014-04-07T01:56:19+00:00 6 Abril, 2014|