Projeto artístico acolhido pela Binaural/Nodar, “Desta Paróquia” de Frances Crow e David Prior, apresentado em Londres

Liminal (Frances Crow e David Prior)
“Desta paróquia”
Instalação: 08-09 junho 2013 (14:00 – 18:00) | Entrada gratuita
Palestra/Performance: 08 de junho de 2013 (12:30-13:30) | Bilhetes grátis: www.ofthisparish.eventbrite.com SoundFjord, 3B – Estúdio 28, 28 Lawrence Road, Londres, N15 4ER
Horário de funcionamento: sábado: 12:30 – 13:30 (palestra), 14:00 – 18:00 | domingos: 14:00-18:00

Os sinos tiveram um papel central na formação e solidificação de comunidades. Eles têm um imenso poder de evocação, de transmitir uma sensação de passagem do tempo, promovendo a reminiscência e consolidando a identificação de um indivíduo com um território de escuta. A ideia de paróquia – um dispositivo usado para delimitar território e ao mesmo tempo a para definir uma comunidade sagrada – é uma articulação do espaço acústico: a paróquia pode, portanto, ser considerada a zona em que um sino de igreja pode ser ouvido. Esta noção de “paróquia”, como fonosfera é o ponto de partida para “Off This Parish” (“Desta Paróquia”).

Em abril de 2013 o artista/compositor sonoro David Prior e a arquiteta Frances Crow foram convidados pela Binaural/Nodar para o seu programa de residências artísticas de 2013 –  Divina Sonus Ruris, O Som do Sagrado nas Comunidades Rurais –  no maciço da Gralheira (São Pedro do Sul).

O seu trabalho focou-se nos sinos da Igreja Paroquial de Sul, os quais formaram o epicentro do projeto. Durante as três semanas de residência, Liminal concebeu quatro passeios sonoros que foram realizados simultaneamente por oito jovens de Oliveira, Aveloso e Sul. O caminho partiu da Igreja Paroquial de Sul, ao som dos seus sinos sendo tocados. No início da caminhada, os oito participantes ficaram em pares, de costas com costas, cada um/a virado na direção dos quatro pontos cardeais e, em seguida, caminharam lentamente ao longo de caminhos e estradas existentes que levaram cada um/a o mais diretamente possível para Norte, Sul, Leste e Oeste.

As gravações subsequentes foram reproduzidos simultaneamente na igreja, cada gravação renderizando a cena acústica a partir de uma perspectiva diferente das demais. No início, as gravações de som eram muito semelhantes, mas como os recordists movem seus respectivos caminhos, só soando o que era alto o suficiente para permear cada ambiente local – como o sino da igreja – permeando todas as quatro gravações. Desta forma, a apresentação destas quatro gravações num único espaço criou uma experiência de audição impossível, o colapso do território acústico inteiro da paróquia no seu epicentro, a igreja que o define. Esta instalação site-specific foi apresentada como parte do Festival Tramontana em Sul, no dia 27 de abril de 2013.

Durante o fim de semana 08-09 junho, Liminal vai apresentar uma instalação especialmente concebida para a galeria SoundFjord baseada em idéias, sons e imagens desenvolvidas durante a residência. Às 12:30 no sábado, 08 de junho, Liminal irá apresentar uma palestra/performance na galeria. O evento é gratuito mas com reservada obrigatória em www.ofthisparish.eventbrite.com.

A presença de Liminal na residência  artística e a apresentação na SoundFjord só foi possível com o apoio da Binaural/Nodar, Arts Council England e Sonva – Grupo de Pesquisa da Universidade de Falmouth.

Liminal é uma parceria entre a arquitecta Frances Crow e artista sonoro e compositor David Prior. Começaram a trabalhar juntos em 2003. O seu trabalho concentra-se na exploração da relação entre a escuta sonora e o meio ambiente. Ela engloba intervenções “site-specific”, passeios sonoros, instalações em galerias, performances, bem como ambientes sonoros e musicais para exposições. Em 2010 Liminal ganharam o prestigioso Prémio de Novas Música da Music Foundation para a sua peça “Organ of Corti”, um instrumento acústico que medeia sonos do ambiente. Órgão de Corti, posteriormente ganhou o Prémio de Inovação John Connell de 2011 e recebeu uma Menção Honrosa no Prix Ars Electronica 2012 na categoria de Músicas Digitais e Arte Sonora.

2017-02-13T18:31:51+00:00 31 Maio, 2013|