Binaural / Nodar apresenta peças para rádio durante o Festival Future Places no Porto

A Binaural / Nodar apresenta em exclusivo para a Radio Futura – Future Places, Porto:

Montanhas e linhas de horizonte
Escutas locais comparativas em quatro episódios:

Nodar#1 – Football Sound Narratives MixDown
Uma peça sonora Binaural/Nodar a partir de alguns dos temas incluídos na edição “Football Sound Narratives”: 11 obras de autores diversos que abordam temas antropológicos / sociais / locais do mundo do futebol e que será a publicação inaugural da nova editora “Edições Nodar”.

Nodar #2 – Aldeias Sonoras Mix nr. 3
Quais os sons que a nossa paisagem rural incorpora? Quanto deles já desaparecerem irremediavelmente? O que podemos aprender acerca das comunidades rurais através da dimensão sonora? “Aldeias Sonoras” é um projecto educativo coordenado pelo Centro de Residências Artísticas de Nodar e que consiste na gravação, edição e mapeamento do património acústico de aldeias rurais em paralelo com o seu levantamento geográfico, histórico e sócio-cultural. O projecto envolve escolas básicas e secundárias de zonas rurais de diversas regiões de Portugal, sendo que se apresenta nesta ocasião uma das várias peças compostas a partir de gravações sonoras efectuadas em 2009 no concelho de S. Pedro do Sul.

Nodar#3 – “Sonata for clarinet and Nodar: modernity is the enemy”
Peça sonora gravada em Julho 2010 na paisagem de Nodar, composta pelo fonografista inglês Jez riley French e por Luis Costa, coordenador do Centro de Residências Artísticas de Nodar, na qual uma jovem clarinetista de 15 anos (Joana Silva) literal e intuitivamente desconstrói a peça “Solo de Concours” composta em 1901 por Henri Rabaud, deambulando por entre água, vento, cobras, cães, moto-roçadoras, aviões que passam a caminho dos incêndios, etc. questionando-se portanto o rural enquanto espaço de silêncio. A expressão “A modernidade é o inimigo” é da autoria de Rabaud, um compositor considerado conservador, sendo que ganha uma inesperada acuidade perante a profusão de “novos ruídos” na paisagem ancestral de Nodar durante a gravação da peça.

Nodar#4 – “Sightseeing for the blind: Aveiro x Lisboa”
Um projecto de Rui Costa, director artístico da Binaural/Nodar. Escutas comparadas de deambulações sonoras em Lisboa e Aveiro, por locais visitados por turistas, onde as cidades assumem a sua condição de simulacro. A experiência que um turista tem de uma cidade é em grande medida determinada pela aleatoriedade das impressões no limite da consciência, de um mapeamento permanente entre o que se vê e os desejos, ideias preconcebidas, memórias, etc. Pretendeu-se com este projecto utilizar este processo mental como ponto de partida para a criação artística. O projecto desenvolvido na cidade de Lisboa culminou com a edição de um CD na editora alemã 1000 füssler e o desenvolvido em Aveiro na criação de uma instalação sonora apresentada em Agosto último no Estúdio PerFormas.

Ficha Técnica:

Ideia original: Luís Costa
Coordenador de Edição Áudio: Rui Costa
Composições por Rui Costa, Luís Costa, Manuela Barile e Jez riley French
Produção: Carina Martins

RADIO FUTURA é uma parceria entre o Festival Future Places e a Rádio Zero
Escuta em 91.5 FM Porto & futureplaces.org
12-16 Outubro, 2010

2017-02-13T18:32:24+00:00 1 Outubro, 2010|